Artigo: Alterações dimensionais no arco superior decorrentes da Expansão Rápida Maxilar Assistida Cirurgicamente - Clínical 2006 v05n1 - Clinical Orthodontics

Clínical 2006 v05n1

Clínical 2006 v05n1


Alterações dimensionais no arco superior decorrentes da Expansão Rápida Maxilar Assistida Cirurgicamente

Artigo

Propôs-se nesse estudo avaliar as alterações dimensionais no arco maxilar decorrentes da expansão rápida de maxila assistida cirurgicamente (ERMAC). A amostra foi composta por treze pacientes do Curso de Mestrado em Ortodontia da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, com idade entre 15 e 40 anos, portadores de deficiência maxilar transversa e submetidos à ERMAC utilizando aparelho expansor de Hyrax. Foram avaliados os modelos ortodônticos superiores, em vista oclusal, nas fases inicial e seis meses pós-expansão, utilizando as seguintes medidas lineares: distância...

Autores: Alberto Consolaro, 

Um pequeno começo, uma grande realização
Um pequeno começo, uma grande realização

Há exatamente quatro anos lançávamos a Revista Clínica de Ortodontia Dental Press! O editorial daquela primeira edição já retratava o espírito com que iniciávamos este novo desafio – entusiasmo e muita determinação. Lançar um novo produto em um mercado profissional exigente como o da Ortodontia nos levou a pensar cuidadosamente em cada detalhe de como deveria ser esse periódico, a quem seria destinado, a escolha do conselho editorial e qual seria a sua repercussão na comunidade...

Leia mais
Flavia Artese responde:
Flavia Artese responde:

Na Ortodontia alguns assuntos, apesar de vastamente pesquisados, ainda são controversos, como por exemplo os terceiros molares. Pergunta-se: é possível prever a formação e a erupção destes dentes? Qual é a influência do tratamento ortodôntico sobre os terceiros molares? Eles são responsáveis pelo apinhamento dos incisivos? Enfim, quais são as condutas clínicas em relação aos terceiros molares?

Leia mais
Microparafuso ortodôntico: instalação e orientação de higiene periimplantar
Microparafuso ortodôntico: instalação e orientação de higiene periimplantar

A utilização de microparafusos de titânio como recurso de ancoragem esquelética em Ortodontia tem demonstrado alta versatilidade de aplicação clínica devido a suas dimensões reduzidas, baixo custo, simplicidade de instalação e remoção. Estão indicados, sobretudo, para casos clínicos onde há necessidade de estabelecimento de uma ancoragem esquelética estável, evitando movimentos recíprocos indesejáveis durante o tratamento ortodôntico corretivo. Neste artigo será apresentado...

Leia mais
Seus funcionários também são seus clientes Transforme sua clínica em um local bom para se trabalhar
Seus funcionários também são seus clientes Transforme sua clínica em um local bom para se trabalhar

Os clientes precisam se identificar com o espaço e com as pessoas que os atendem, só assim se sentirão realmente bem atendidos. A união de um bom atendimento com um espaço físico humanizado é chamada de Ambiente Amigo.

Leia mais
Considerações clínicas e biomecânicas  de elásticos em Ortodontia
Considerações clínicas e biomecânicas de elásticos em Ortodontia

A evolução e a melhoria dos materiais elásticos aumentaram em muito sua aplicabilidade nos tratamentos ortodônticos em diversas situações, como: na simplificação da fixação dos arcos aos braquetes em substituição às ligaduras metálicas, na retração de dentes, no fechamento de espaços, auxiliares em aparelhos extrabucais e em alguns tipos de mecânicas ortodônticas. Desta forma, o objetivo deste artigo é apresentar uma revisão sobre os tipos e as propriedades dos elásticos...

Leia mais
Alterações dimensionais no arco superior decorrentes da Expansão Rápida Maxilar Assistida Cirurgicamente
Alterações dimensionais no arco superior decorrentes da Expansão Rápida Maxilar Assistida Cirurgicamente

Propôs-se nesse estudo avaliar as alterações dimensionais no arco maxilar decorrentes da expansão rápida de maxila assistida cirurgicamente (ERMAC). A amostra foi composta por treze pacientes do Curso de Mestrado em Ortodontia da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, com idade entre 15 e 40 anos, portadores de deficiência maxilar transversa e submetidos à ERMAC utilizando aparelho expansor de Hyrax. Foram avaliados os modelos ortodônticos superiores, em vista oclusal,...

Leia mais
Análises de modelos: uma revisão da literatura
Análises de modelos: uma revisão da literatura

As análises de modelos são utilizadas rotineiramente nos processos de diagnóstico e planejamento do tratamento ortodôntico, o objetivo deste trabalho é fazer uma avaliação das análises mais utilizadas através de uma revisão da literatura publicada sobre as mesmas. São descritos métodos que relacionam o tamanho dentário com o tamanho das estruturas de suporte, como Índice de Pont, Korkhaus, Linder-Hart, Schwarz e Howes; métodos que relacionam o tamanho dos dentes e o espaço...

Leia mais
Classe II esquelética com excesso maxilar: tratamento ortodôntico em duas fases
Classe II esquelética com excesso maxilar: tratamento ortodôntico em duas fases

Relato de caso clínico de paciente com 11 anos e 6 meses de idade, que se apresentou para o tratamento da Classe II com excesso anterior da maxila. O paciente apresentava grande preocupação com sua auto-estima devido ao acentuado overjet de 11mm e seu aspecto facial, o que alertou seus responsáveis a procurarem o tratamento ortodôntico. São descritos os procedimentos terapêuticos realizados para o tratamento da Classe II esquelética, as alterações cefalométricas ocorridas durante os...

Leia mais
Estudo comparativo dos efeitos esqueléticos, dentários e tegumentares, promovidos pelo tratamento da má oclusão Classe II mandibular com o aparelho de Herbst e com o Aparelho de Protração Mandibular
Estudo comparativo dos efeitos esqueléticos, dentários e tegumentares, promovidos pelo tratamento da má oclusão Classe II mandibular com o aparelho de Herbst e com o Aparelho de Protração Mandibular

Realizou-se um estudo cefalométrico, em norma lateral, visando comparar os efeitos esqueléticos, dentários e tegumentares, em pacientes portadores de má oclusão Classe II mandibular, submetidos a tratamento com o Aparelho de Herbst e com o Aparelho de Protração Mandibular (APM). A amostra constituiu-se de 43 jovens, divididos em três grupos, sendo o Grupo I (Herbst) composto de 12 jovens, com idade média de 12 anos e 4 meses, tratados com o Aparelho de Herbst por um período médio de...

Leia mais
Radiografia digital, tomografia, prototipagem e reabsorções! Manual de sobrevivência: conhecimento prévio e rigor
Radiografia digital, tomografia, prototipagem e reabsorções! Manual de sobrevivência: conhecimento prévio e rigor

A cada 5 anos as informações perdem valor e transformam-se em dados históricos. É cruel, muito cruel, mas a realidade se impõe!

Leia mais

Copyright © 1998 - 2022 DentalGO | Todos Direitos Reservados. DentalGO é uma marca Dental Press